(Brasília - DF, 09/05/2021) Presidente Jair Bolsonaro durante passeio de moto pelas ruas de Brasília. Foto: Marcos Corrêa/PR

Bolsonaro passeou de moto pelas ruas de Brasília neste domingo com apoiadores e ministro da Casa Civil

O presidente Jair Bolsonaro cumprimentou apoiadores e tirou fotos ao retornar ao Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência, depois de fazer um passeio de moto, acompanhado por motociclistas apoiadores , na manhã deste domingo, 9, em Brasília. Em um breve discurso, o chefe do Executivo federal afirmou que o passeio não foi um ato político, mas “amor à Pátria”, e defendeu a aprovação do “voto auditável”.

Em uma live nas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro reforçou que indicará um ministro evangélico ao Supremo Tribunal Federal (STF). Bolsonaro afirma ter um favorito ao posto, mas não revelou o nome ainda. 

O ministro Marco Aurélio Mello se aposenta no início de julho do STF.

Em ocasiões anteriores, os nomes do Advogado-Geral da União (AGU), André Mendonça, e do presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins, ambos evangélicos, já foram cotados como possíveis indicados ao STF.

O presidente também reafirmou aos apoiadores que defenderá o voto “auditável” e impresso na eleição presidencial do ano que vem.