Demonstrators take part in a protest against Brazilian President Jair Bolsonaro's handling of the COVID-19 pandemic in Sao Paulo, Brazil on May 29 2021. (Photo by NELSON ALMEIDA / AFP)

As manifestações contra o presidente Jair Bolsonaro, neste sábado (19), custarão R$ 381 mil aos cofres públicos paulistas. Os recursos serão gastos na mobilização de um esquema de segurança, segundo apurou o Estadão.

Somente no maior ato, na Avenida Paulista, em São Paulo, a Polícia Militar (PM) vai mobilizar cerca de 400 policiais, segundo a Secretaria de Segurança Pública do estado.

Foram escalados policiais do batalhão territorial e de unidades especializadas, com aproximadamente 120 viaturas, duas aeronaves e seis drones. Outras unidades da PM permanecerão de prontidão e, se necessário, serão deslocadas para prestar apoio.

A Secretaria informou que a PM também estará mobilizada para garantir a segurança em manifestações em outras regiões do estado.